Pattinson Daily: Critic: Life tem imagens cuidadosas, compostas de beleza estéril
O "Pattinson Daily", é a sua maior fonte de notícias sobre o ator Robert Pattinson no Brasil.
Textual description of firstImageUrl

Critic: Life tem imagens cuidadosas, compostas de beleza estéril

11 de agosto de 2015



Com o seu quarto longa-metragem, Anton Corbijn chegou a si mesmo: A história de Dennis Stock, um fotógrafo que se tornou famoso com imagens icônicas do jovem James Dean, é uma auto-reflexão artística.

Em um ensaio para a revista "filme epd" Anton Corbijn diz: "Talvez se possa argumentar, que a imagem protestante fosse mais a profundidade do que a largura, mais de redução de riqueza, mais sobre o centro do que nas periferias." O que é problemático como uma atribuição de plano, funciona como uma abordagem para o mundo das imagens, mas bastante Corbijn. Mesmo a partir de Life, ele fala uma atitude que é caracterizada por uma vez em pequena escala, quase um olhar para a arte, seja na fotografia ou no cinema. Mas Corbijn é, bem como em seus filmes anteriores Control (2007), The American (2010) e A Most Wanted Man (2013) que descansa em si mesmo, como imagens cuidadosas, precisamente compostas de beleza estéril.

Life gira em torno do jovem Dennis Stock (Robert Pattinson), que atuou como fotógrafo no tapete vermelho em Hollywood. Em uma festa do diretor Nicholas Ray, Dennis conhece o carismático "Jimmy" James Dean (Dane DeHaan). Impressionado com seu frescor ostensivo e serenidade, Dennis tenta convencer seu agente de organizar-lhe um contrato para uma sessão de fotos com o ator desconhecido na prestigiada revista Life. Os sinais iminentes de sofrimento de Dean no mundo da fama e sempre vivendo recluso, bem como própria insegurança de Dennis é a situação precária dos dois protagonistas do filme. O ator quer acelerar o processo de seu próprio marketing além disso, o último é determinado a recolher fotos para um portfólio para finalmente organizar uma exposição. [..]